quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Eu fiz exercício (mas que custou, custou!!)

9:00. Filhos lindos entregues na escola. Fato de treino e ténis e lá fui eu.
A motivação estava em alta, o passo apressado. Tudo do melhor.

Foi quando estava quase a chegar ao final da ida que a coisa se deu. As minhas pernas deram-se conta da ocorrência e começaram a dar sinais de que não estavam com grande disposição para mais trabalhos.

 Como é que eu ia conseguir fazer a caminhada de regresso a casa?! O meu carrinho tinha ficado à porta, no outro extremo da cidade, e não vislumbrava uma alma conhecida que me pudesse dar uma boleiazinha para casa!
Foi quando eu estava prestes a atirar-me ao chão, entregue a soluços desesperados, que ele apareceu. Trazia um sorriso nos lábios e corria a passo moderado sem que se notasse qualquer cansaço ou a respiração acelerada. E foi aí que nasceu em mim um pequenito alento que me colocou de novo na caminhada.

Velhinho, que me envergonhaste por me sentir quase morta por ter dado uns passinhos, enquanto tu corrias com um ar tão descontraído como se estivesses a ver a Júlia Pinheiro na TV, enquanto bebias um leitinho sentado no sofá de tua casa, sou tua fã!

6 comentários:

  1. Custou foi dar o primeiro passo mas conseguiu! Continue assim e verá que em breve não vai custar tanto!

    ResponderEliminar
  2. tas a ver...custou mas ja tá feito....CONTINUA...

    ResponderEliminar
  3. adoro esses velhinhos :D

    hoje já tá feito, e para a proxima custa menos!!!!

    beijinhos e força nisso!!

    ResponderEliminar
  4. É que parecendo que não, a Júlia Pinheiro até faz ressuscitar os mortos com aqueles gritos.

    ResponderEliminar
  5. Ainda bem que te encontrei neste Mundo!!! Fazes-me bem!!! Bem hajam os sorrisos! ;-)*

    ResponderEliminar