sexta-feira, 27 de novembro de 2015

E lá fui eu sem medos

84 kg!

Podia dizer que me sinto frustrada pelo número de vezes que já andei para trás, pelo número de vezes que quase cheguei onde queria e retrocedi. Podia dizer que sou fraca, que me falta persistência. Podia, mas não quero nem vou dizer.
Quero antes ter a certeza que posso perder-me incontáveis vezes no caminho, voltar atrás, recuar, mas um dia, seja ele qual for, eu chego lá!

14 comentários:

  1. Agora apaga o passado e recomeça sem bagagem daqui para a frente. Faz o que te faz feliz, mexe-te um pouco e aprende receitas novas mais saudáveis. Eu estou na mesma situação e a precisar de fazer o mesmo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É esse o espírito! Recomeçar, mais uma vez e outra até chegar ao objetivo! :-)

      Eliminar
  2. Recomeça. Eu passo a vida a recomeçar. Peso-me todas as semanas. À mesma hora, nua. E são muitas as vezes que tenho de recomeçar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou voltar a fazer isso, Maria! Uma vez por semana enfrento-a! :-)

      Eliminar
  3. Acho que é mais uma questão de ser difícil (tive alturas em que tentei comer menos e ficava com menos energia e quando fiz mais ginástica, comia mais - como se o meu corpo se agarrasse a um determinado peso)
    Boa sorte e força.
    um beijinho e bom fim-de-semana
    Gábi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinto isso também, Gábi! Parece que há um peso para onde o corpo nos puxa. Contrariar isso é, de facto, muito difícil, mas há que tentar!
      Beijinho e bom fim de semana!

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  5. O sem medo é definitivamente o mais importante aqui! Isso eu te garanto. Estou contigo na luta. Parece que agora já não anda por aqui ninguém com este objetivo, mas eu não quero desistir. Dá-me a mão e lá vamos as duas em frente, lado a lado. Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho pensado muito nisso, quando comecei o blog éramos muitas com esse objetivo, depois eu desapareci, reapareci e voltei a desaparecer. Dois anos depois regresso e a blogosfera de quem está na luta com o peso também desapareceu!
      Estou de mão dada contigo! Vamos!!!
      Beijinho!

      Eliminar
  6. Só preciso de me relembrar como isto se faz. Não me consigo lembrar e isto é frustrante...

    ResponderEliminar
  7. Força!
    O importante é não desistir e dar pequenos passos de cada vez. Sei isso por experiência própria, porque sempre lutei contra o excesso de peso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso mesmo! Aos poucos e com persistência!

      Eliminar
  8. Ui!!! Não desaparecemos...estamos é um bocadinho fora de órbita :P Força...para a frente é que é caminho!!! (deixa lá a minha balança deve estar em sintonia com a tua...só que eu ainda não me encorajeiiiiiiiiiiiiii o suficiente :P)

    ResponderEliminar